Exposição no Palácio do Planalto homenageia as gordinhas

Mostra "Mulheres do Brasil" ficará até 8 de novembro no Salão Oeste
Os amantes da arte nacional contemporânea têm até o dia 8 de novembro para visitar a exposição "Mulheres do Brasil", da artista plástica baiana Eliana Kertész, no Salão Oeste do Palácio do Planalto.
 A mostra, com entrada franca, traz esculturas femininas com formato avantajado para simbolizar a fartura brasileira.
 O acervo de 62 esculturas em barro, resina, fibra de vidro e bronze retratam a mulher brasileira de diversas raças. As obras, baseadas em personagens "gordinhas", como define a própria artista, são marcadas por formas arredondadas e pela fartura, um contraponto à tendência contemporânea da magreza.
 "Cada uma significa e expressa uma coisa. É uma grande exposição, têm muitas peças bonitas. "A mulher brasileira é uma guerreira que usa as armas que pode, com sentimento, sem vergonha de ser feliz", destacou a artista.
 A exposição conta, ainda, com obras feitas por Eliana Kertész e que já foram adquiridas por admiradores do seu trabalho, dentre elas, duas esculturas, Maria Dolores e D. Sinhazinha, que fazem parte do acervo pessoal da presidenta Dilma Rousseff.
 ARTISTA - Eliana é uma das mais importantes escultoras brasileiras da atualidade, com reconhecimento internacional e participação em exposições dentro e fora do país, entre elas, a "5ª Bienale di Roma", na qual foi premiada, no início de 2004, com a terceira colocação na categoria escultura.
 SERVIÇO:
Exposição "Mulheres do Brasil"
Data: até 8 de novembro
Horário: das 9h às 18h
Ingresso: entrada franca
Compartilhar

Por: SAC Sistema Alternativo de Comunicação

0 comentários:

Postar um comentário